A luta pela fama e poder foi o eixo central de “Celebridade”

0
26
Em "Celebridade", Malu Mader interpretou a empresária Maria Clara Diniz, e Cláudia Abreu viveu Laura, uma vilã que foi odiada pelos telespectadores / Arquivo GB Imagem

Escrita por Gilberto Braga, e dirigida por Dennis Carvalho, “Celebridade” foi exibida entre 13 de outubro de 2003 a 26 de julho de 2004 e o argumento de seu enredo foi a luta pela fama e dinheiro. A trama principal mostrou a oposição entre duas mulheres, Maria Clara e Laura, interpretadas por duas musas inspiradoras, as atrizes Malu Mader e Cláudia Abreu. Ambas são muito amigas na vida real e pela primeira vez se enfrentaram em cena como rivais; Malu, como a bem-sucedida empresária do mundo da música Maria Clara Diniz, a heroína da trama, e Cláudia como intérprete da dissimulada Laura, a vilã que quer dar o golpe na produtora, sua chefe.

Um dos charmes da novela foi a participação de várias celebridades reais, como o grupo Simply Red e a cantora canadense Alanis Morissette. Além do enredo central, “Celebridade” trouxe uma série de histórias paralelas protagonizadas por um grande elenco, distribuído em papéis muito bem delineados. Como o premiado produtor de cinema Fernando Amorim, vivido por Marcos Palmeira, que volta da Europa disposto a montar sua produtora cinematográfica no Brasil; o inescrupuloso Renato Mendes (Fábio Assunção), sagaz editor da revista “Fama”, publicação que explora o mundo dos famosos; o todo-poderoso empresário da comunicação Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana); sua elegante e egoísta filha Beatriz Vasconcelos Amorim (Deborah Evelyn), casada com Fernando; as manicures Darlene Sampaio (Deborah Secco) e Jaqueline Joy (Juliana Paes), aliás, foi em “Celebridade” que Juliana Paes alcançou o topo do sucesso na vida real. Além destes, no elenco ainda estavam Nívea Maria, Marcelo Faria, Isabella Garcia, Alexandre Borges, Júlia Lemmertz, Brunno Abrahão, Paulo Vilhena, Gracindo Júnior, Márcio Garcia, Bruno Gagliasso, Ana Beatriz Nogueira, Taumaturgo Ferreira, Juliana Knust, Otávio Müller, Daniel Dantas, Norma Blum, Roberto Pirilo, Roberto Bonfim, Thiago Lacerda e Alessandra Negrini.

O tema de abertura de “Celebridade”, “Love´s Theme”, já havia sido tema de abertura de uma novela 30 anos antes: “As Divinas… e Maravilhosas”, da TV Tupi, exibida em 1973.

Em seu último capítulo, “Celebridade” registrou a maior média de audiência de um capítulo final de novela desde “Renascer”, em 1993, 63 pontos, com picos de 67 pontos. Na ocasião foi revelado o assassino de Lineu (Hugo Carvana), e, num desfecho, a vilã Laura (Cláudia Abreu) ter sido a culpada.

Em 2017 “Celebridade” foi reprisada no “Vale a Pena Ver de Novo”, substituindo “Senhora do Destino”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui