Costa das Baleias, uma viagem inesquecível no Extremo Sul da Bahia

Um dos melhores momentos acontece durante os passeios de barco, quando os visitantes se encantam com a presença das baleias que se aproximam, encenam acrobacias e emitem sons que pressupõem a dança do acasalamento / GB Imagem

Procurando um destino para férias inesquecíveis quando a pandemia passar?  Então não procure mais! Planeje uma viagem ao Extremo Sul da Bahia. Turismo ecológico e cultural, situado entre o mar e as terras cobertas pela Mata Atlântica, a Costa das Baleias abriga tesouro de belezas naturais como o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, considerado o maior berçário reprodutivo das baleias jubarte em todo o Atlântico Sul Ocidental.

A Bahia é o Estado que possui o maior número de destinos para a observação das jubarte, sendo 11 no total. Por suas águas quentes e tranquilas, o litoral baiano é escolhido como o local de permanência desses mamíferos que, de julho a novembro, chegam para acasalar, reproduzir e amamentar os filhotes, proporcionando, com suas aparições, um verdadeiro espetáculo da natureza. Um dos melhores momentos acontece durante os passeios de barco, quando os visitantes se encantam com a presença das baleias  que se aproximam, encenam acrobacias  e emitem sons que pressupõem a dança do acasalamento. A melhor maneira de se observar as baleias é através de um passeio que dura cerca seis horas, realizado em bela e segura escuna.

Neste período (que neste ano é exceção devido à pandemia) grande número de turistas é atraído para a Costa das Baleias, todos se encantam com a docilidade dos animais. A Costa das Baleias é formada pelas cidades de Prado, Alcobaça, Caravelas, Nova Viçosa, Mucuri e  já é tradição: a região, anualmente,  se prepara para receber  os visitantes no período com uma variada programação artística e cultural, que infelizmente está prejudicada por causa do novo coronavírus.

Conhecidos também como baleias-cantoras ou baleias-corcundas, as jubarte fogem do inverno rigoroso e do gelo da Antártida e migram à procura das águas mornas, rasas e cristalinas do arquipélago de Abrolhos para reprodução e cria. Mergulhadores profissionais e amadores consideram Abrolhos um dos pontos mais bonitos do mundo. Mergulhar é imprescindível, fundamental para quem deseja vislumbrar um festival de luzes e cores em um mundo submerso e silencioso, com profundidade máxima de 30 metros. A prática de snorkel proporciona a sensação de se estar mergulhando em um imenso e colorido aquário.

Para a preservação do local, em 1983 foi criado o Parque Nacional Marinho de Abrolhos, e a partir daí foi proibido qualquer tipo de caça e pesca na região. O parque é constituído por cinco ilhas principais, sendo que apenas uma delas é habitada, a Ilha de Santa Bárbara, mas apenas em outra dessas ilhas, a Ilha Siriba, é permitido o desembarque e a visitação de turistas. Também fazem parte do arquipélago localizado a cerca de cinco quilômetros da cidade de Caravelas, as ilhas Guarita, Redonda e Sueste.

Na Costa das Baleias, não deixe também de conhecer Prado, um dos destinos mais procurados da Bahia. Localizada há 805 quilômetros de Salvador, suas belas praias atraem gente de todo o mundo. Cercada de praias tranquilas e águas mornas, que se estendem por mais de 80 quilômetros do litoral, a principal é a Praia do Centro, rodeadas por barracas onde são vendidos saborosos petiscos e bebidas. Entre as praias mais procuradas também estão a Barra do Prado, Praia do Coqueiral, Praia do Novo Prado, Praia da Amendoeira e Praia da Paixão.

Nos quesitos lazer, cultura, restaurante e atrações turísticas, Prado também tem seu destaque. O Beco das Garrafas é o destino preferido dos turistas para curtir a noite com música ao vivo e saborear bons pratos da gastronomia local, assim como um menu variado.

Prado fica na fronteira entre a Costa do Descobrimento e a Costa das Baleias, cenário de belezas naturais e reduto histórico e cultural. Além das baleias e das delícias gastronômicas, os turistas podem apreciar em toda região, os traços deixados pela ocupação colonial na arquitetura das igrejas, no desenho das cidades e nas casas construídas pelos portugueses.

O Centro Histórico preserva o casario dos séculos XVIII e XIX, com ruas estreitas, calçadas com paralelepípedos e praças arborizadas. Destaque para as centenárias construções da Matriz de Nossa Senhora da Purificação, datada de 1876, e o famoso Mercado Municipal, que funciona como uma feira livre.

Devagarinho os brasileiros começam a voltar a sua rotina, ou a sua “nova” rotina e viajar é o sonho de muitos e se quiser espairecer então você não pode deixar de conhecer a Costa das Baleias. Com certeza será uma viagem inesquecível para toda a família. O que está esperando? Procure seu agente de viagens e planeje para assim que for possível férias inesquecíveis neste paraíso baiano.

Artigo anteriorCreme de Batata com Alho Poró
Próximo artigoDocumento do MPF aponta que governador do Rio teria usado servidores públicos em reforma de sua casa particular