E vem mais um show de talentos experientes

Vozes de diferentes cantos do Brasil prometem emocionar em mais uma edição do “The Voice+”

Toni Garrido, Ludmilla, Fafá de Belém, Carlinhos Brown, Thais Fersoza e André Marques. *** Local Caption *** The Voice+ - segunda temporada

Livremente inspirado no “The Voice Brasil”, o show de talentos brasileiros que a Globo produz desde 2012, estreia neste domingo a segunda temporada do “The Voice +”, um reality musical exclusivo para candidatos com mais de 60 anos. Mais uma vez, vozes de diferentes cantos do Brasil prometem entreter os seguidores da atração com muita música e emoção, afinal cada um deles tem uma história de vida inspiradora, própria de quem nunca deixou de sonhar.

A novidade desta vez será Tony Garrido, Carlinhos Brown e Fafá de Belém estreando como técnicos da atração e dividindo a bancada com Ludmilla.

A produção que tem direção artística de Creso Eduardo Macedo, será mostrada aos domingos, logo depois do “Temperatura Máxima”, e às terças-feiras, a partir das oito da noite, no canal pago Multishow.

Nunca é demais relembrar como funciona o reality. No total são 48 vozes – 12 vozes cada time – que serão aprovadas na primeira fase do programa, no entanto, no final, apenas uma delas levará o prêmio de R$ 250 mil e um contrato com a gravadora Universal Music.

Nesta nova temporada, uma novidade promete deixar ainda mais acirrada a disputa. Explicando, na fase “Tira-Teima”, cada técnico terá direito a dois “pegueis”, ou seja, cada um poderá escolher dois eliminados dos outros times para seguir na competição, dessa vez com um novo técnico no comando.

O jogo tem cinco etapas. Na primeira fase, no “Audições às Cegas”, os candidatos se apresentam e são avaliados apenas pela voz. Os técnicos viram suas cadeiras e montam seus times. Se mais de um técnico virar, o participante é quem escolhe com quem quer trabalhar. No total, serão 48 vozes aprovadas, 12 em cada time.

No “Tira-Teima”, em apresentações individuais, os técnicos escolherão seis vozes do seu time para continuar na disputa. Com o direito aos dois “pegueis”, como explicado anteriormente. Cada técnico termina a fase com oito vozes.

Daí vem a fase “Top dos Tops”, na qual dois oito que permaneceram em cada time, somente quatro serão escolhidos pelo técnico para a “semifinal”.

As fases “Semi-final” e “Final” acontecem no mesmo dia. Na primeira etapa do programa, as quatro vozes de cada time cantam e cada técnico escolhe uma voz para seguir. Na segunda etapa, os quatro finalistas se apresentam e quem escolhe, ao vivo, o vencedor do “The Voice+” é o público. 

O apresentador André Marques ganhou a companhia de Thais Fersoza, encarregada de mostrar os bastidores da atração. A atriz que também é apresentadora não esconde a sua emoção. “Ser apresentadora do ‘The Voice+’ é uma honra. Eu batalhei para chegar nesse lugar de apresentadora e agora minha expectativa é altíssima. O ‘The Voice+’ é um programa sensacional e que emociona. Eu acho a coisa mais linda ver as pessoas realizando sonhos e poder fazer parte disso, estar pertinho dessas pessoas e poder viver essa emoção com cada uma delas me deixa muito feliz”, admite a mulher de Michel Teló. 

A cantora Fafá de Belém, estreante como técnica, faz questão de reforçar o coro de que os sonhos não envelhecem e enfatizou que as pessoas que já viveram um pouco mais tem experiência a compartilhar e que é preciso combater o preconceito que a sociedade tem com pessoas de mais idade.

O ator e músico Tony Garrido também é estreante na cadeira vermelha e vem disposto a viver todas as emoções que jogo proporcionará. Ele disse que sempre sonhou em fazer parte do “The Voice” e que acompanhou as edições passadas do reality. “Estou feliz da vida e muito grato por essa oportunidade”, enfatizou Garrido.

Veterano na família “The Voice”, André Marques não esconde a alegria e empolgação com mais uma temporada da versão. “Eu sou da família ‘Voice’ já tem um tempo, mas o ‘Voice+’ tem um diferencial. Além da boa música e das lindas vozes, características que acompanham todas as versões, nos deparamos com histórias de vida, começos e recomeços de pessoas que tem uma história com a música e vivem dela. São histórias de vida que se misturam através da música. Tem uma emoção diferenciada”, confessa. 

E, claro, não podia ficar de fora Carlinhos Brown que está estreando no “The Voice+”, no entanto ele é integrante assíduo do reality desde a estreia do formato, em 2012. Carlinhos Brown, que já esteve no “The Voice Brasil” e no “Kids” fala com entusiasmo sobre o seu novo desafio. “Pra mim, estar no programa é mais do que uma oportunidade, pois traz o prazer de rever talentos e de entender que as experiências só se renovam com o avançar das idades. Sempre tive vontade, desde que o programa estreou, de poder participar. Que coisa boa, que grande oportunidade. Quero vibrar com esses colegas que têm muito a dizer, muito a oferecer, principalmente compartilhando os seus talentos em um palco que é de todo o Brasil”, concluiu Brown.

Bom, para quem gosta de competição e de música boa, nada mais resta do que esperar e conferir a estreia da nova temporada do jogo musical. E boa sorte aos 48 participantes!

Artigo anteriorTRAGÉDIA NO ESPAÇO
Próximo artigoComprar cosméticos! Que Maravilha!!